AEPortugal

Associação Empresarial de Portugal

Quinta-feira, 21 de Junho de 2018.Visitante

Login Pedido de Informação Imprimir

 

 

AEPortugal

Informação Económica

Formação

 

AEP Projetos

 

Feiras

Internacionalização

Enterprise Europe Network

Qualidade

Ambiente e Energia

S S T

Sistemas de Incentivos

Jurídico

AEPortugal

AEP

Apresentação

Breve Historial

Estatutos

Orgãos Sociais 2017 - 2020

Organograma

CSA  -  Conselho Superior
 Associativo

Inscrição em Eventos

Biblioteca AEP On-line

Newsletters AEP

Subscrever Newsletters AEP

Publicações AEP

Recursos Humanos

AEPortugal

SÓCIOS

Admissão

Actualização de Dados

548.000 Maiores Empresas

Económico Digital

CONTACTOS

AEPortugal

FUNDAÇÃO AEP

APCER

CESAE
Católica Porto Business  School
Exponor
Exponor - Brasil
Formação PME
IDIT
Parque - Invest
 
 

 

 

   

 

     Logo facebook

 

 

A E Portugal : notícias
 

notícias - internacionalização

Missão Empresarial à Bielorússia 2015 – Minsk – Com visita à Feira BELAGRO

 

De 1 a 5 junho de 2015 - Bielorússia


A AEP no âmbito do seu projeto ao QREN – Business on the Way 2014/2015, encontra-se a promover uma Missão Empresarial à Bielorrússia, entre os dias 1 a 5 de Junho, com possibilidade de visita à 25ª edição da feira BELAGRO, o mais importante certame internacional bielorrusso.

Porquê a Bielorrússia?
Um país no coração de Europa com 9,5 milhões de consumidores, 80% dos quais incorporados à classe média, a Bielorrússia pretende diversificar os seus parceiros de importação e reduzir o grau de dependência do seu vizinho russo, estando neste momento a voltar-se para a União Europeia em busca de novos fornecedores.

A Bielorrússia é, hoje, um dos mercados economicamente mais atrativos do Leste Europeu, tendo em conta os seguintes fatores:
- Estabilidade política, economia aberta e impostos baixos;
- Uma considerável capacidade de mercado, incluindo o mercado de consumo, com uma grande dependência das importações;
- Uma posição geográfica privilegiada e ampla infraestrutura de transportes;
- Um nível relativamente baixo de corrupção;
- Relativa facilidade de trâmites aduaneiros e procedimentos de licenciamento;
- Baixo preço de entrada de mercadorias no mercado interno;
- Sector bancário e infraestrutura desenvolvidos;
- Ausência de criminalidade organizada.

A especificidade da estrutura de despesas das famílias na Bielorrússia (baixos preços de serviços comunitários; transportes públicos, gasolina e educação) permite a uma família média bielorrussa ter o mesmo nível de consumo de uma família eslovaca ou lituana, e 2 vezes superior ao de uma família ucraniana.

Entre 2000 e 2012 o PIB da Bielorrússia cresceu 6,1 vezes, sendo a União Europeia o seu 2º parceiro comercial a seguir à Rússia, com um Volume de Negócios de 16,5 mil milhões de euros, dos quais 8,2 mil milhões de euros correspondem às importações bielorrussas da UE.

Bielorrússia – plataforma para internacionalização
Não menos relevante, é o facto da Bielorrússia se assumir como uma importante plataforma para outros mercados, nomeadamente tem livre acesso aos mercados da Rússia, do Cazaquistão e da Arménia, com a entrada em vigor, em 1 de Janeiro de 2015, da União Económica Euro-Asiática – UEEA, a maior associação económica integrada e o maior mercado do espaço pós-soviético, com uma população superior a 190 milhões de habitantes e uma área de quase 20,5 milhões de km2. O país apresenta interessantes oportunidades de negócios em sectores onde Portugal tem potencial para consolidar a sua presença no mercado ou entrar com os seus produtos de qualidade.

Venha connosco
A AEP identifica no mercado bielorrusso diversos setores de oportunidade para as empresas portuguesas, sendo de salientar os seguintes: equipamentos tecnológicos, máquinas e componentes, indústria automóvel, trailers, produtos farmacêuticos e químicos orgânicos, adubos minerais, produtos fitofarmacêuticos, materiais de construção, madeira, artigos de madeira e máquinas para seu processamento, têxteis, calçado, artigos domésticos, elétricos e desportivos, retrosaria, brinquedos, material escolar, produtos de beleza e higiene pessoal, produtos químicos domésticos e outros artigos para o lar. O crescente poder aquisitivo tem impulsionado o consumo de produtos de moda, habitat e alimentação, com destaque para óleo, azeite, azeitonas, mariscos, doces, frutas e legumes, vinhos e produtos gourmet, entre outros.

Assim, a “Missão Empresarial à Bielorrússia” tem como objetivo possibilitar às empresas portuguesas o estabelecimento de contactos com o tecido empresarial bielorrusso, através de reuniões previamente agendadas com empresas compradoras/importadoras e outras entidades, de acordo com o perfil de cada participante. Através da Missão apresentada, as empresas portuguesas terão a possibilidade de, in loco, perceber as potencialidades que este país proporciona, fazendo assim uma prospeção de mercado. Esta ação é aberta a todos os setores de atividade.

Aceda ao Formulário de Inscrição. Ação com financiamento no âmbito do QREN, a 45% dos custos elegíveis.

Consulte as Condições de Participação.

- Prazo de inscrição: até ao dia 29 de maio de 2015. Inscrições limitadas.

Para qualquer informação adicional, poderá contactar:
AEP - Associação Empresarial de Portugal
Internacionalização e Promoção Externa
Diana Demídova
Tel.: 22 998 16 26; Fax: 22 998 17 74 ou através do E-mail


A E Portugal : Informação de Rodapé

Design por: www.designarte.pt

Desenvolvido por CESAE: www.cesae.pt

Webmaster: dti@mail.cesae.pt